Manifesto

Este projeto sem fins lucrativos foi feito em parceria e tem como foco valores como a solidariedade e ajuda humanitária.

Como começou? Com o escalar do conflito na Ucrânia, a equipa da CASAFARI respondeu a um apelo da comunidade de voluntários - Consultores Imobiliários pela Ucrânia em Portugal (CIPU) - em expressivo crescimento: a sua missão é reunir abrigos e alojamentos de baixo custo disponíveis em território Português para refugiados com essa necessidade.

A CASAFARI ofereceu ajuda, providenciando aos voluntários da CIPU a tecnologia do seu CRM para suportar todo o esforço que concerne no apoio aos refugiados.

O nosso objetivo é fornecer uma plataforma tecnológica a todos os que pretendem ajudar refugiados da Ucrânia. Com abrigo e paz.

É refugiado? Encontre abrigo de curto prazo e alojamento de médio/longo prazo.
É anfitrião? Adicione a sua opção de alojamento.

 


 

Plataforma para todos

Conectamos anfitriões que podem fornecer abrigo e alojamento de baixo custo (casas, apartamentos e quartos) aos refugiados que se encontram numa situação precária em termos de alojamento. Trata-se de um projeto sem fins lucrativos.

Quando o conflito na Ucrânia escalou a 24 de Fevereiro de 2022, milhares de pessoas foram forçadas a abandonar as suas casas. Quem quiser tornar-se anfitrião, pode aceder a esta plataforma e disponibilizar um abrigo ou um alojamento de baixo custo para aqueles que escapam à guerra. Qualquer refugiado pode fazer a sua busca para encontrar o seu próximo refúgio.

Nas primeiras duas semanas após o conflito ter iniciado, os voluntários da CIPU conseguiram alcançar:

  • 183 famílias alojadas
  • 1344 abrigos/alojamentos em Portugal (correspondente a, pelo menos, 2 camas por unidade)
  • 73 voluntários em permanente contacto , 24/7 entre refugiados e anfitriões
  • 13.000 membros da comunidade a apoiar a iniciativa

Com o poder da tecnologia, conseguiremos multiplicar estes esforços e escalar para toda a Europa.

 


 

Digital e pronta a usar

 

Com o êxodo forçado em busca de melhores condições de vida, a CASAFARI reuniu a equipa e a tecnologia do CRM para construir este espaço. Uma comunidade que pertence a todos. Este é um projeto feito sem fins lucrativos e com o apoio de profissionais imobiliários que se juntaram à causa.

Fácil de utilizar e adaptada às necessidades das circunstâncias de cada família, esta base de dados conta com centenas de anfitriões. Mais de 2.500 camas em Portugal e 5.000 em toda a Europa. Números que estão a escalar muito rapidamente.

 


 

Criada com  ❤️  pela equipa CASAFARI Em colaboração com voluntários da CIPU


A CASAFARI, empresa criada em Portugal e sediada em Bairro Alto, tem 250 colaboradores na equipa, que trabalha remotamente, em escritórios por toda a Europa. 105 membros da equipa vivem e trabalham na Ucrânia. Desde o início da invasão do país, a Co-fundadora e Diretora Geral de Produtos e Dados da CASAFARI, Mila Suharev, esteve em estreito contacto com todos os membros da equipa ucraniana, assegurando que cada um e as suas famílias estavam a salvo.

Ao mesmo tempo, a equipa sediada em Portugal começou a trabalhar em várias iniciativas, incluindo donativos, o projeto de alojamento para refugiados criado pela CIPU e ofertas de empregos em IT através de empresas que apoiam o processo jurídico. O que começou como um apoio à equipa e respetivas famílias, transformou-se rapidamente numa iniciativa global, em colaboração com organizações humanitárias, voluntários, clientes, e mais empresas de tecnologia.

Para garantir a segurança da equipa, a CASAFARI organizou operações para realojar os seus empregados em Portugal. O objetivo é que aqui possam viver em paz, continuar a trabalhar e recuperar a possível normalidade que tinham antes da invasão do seu país de origem.

“O projeto "Alojamento para refugiados" é o nosso foco. Queremos ser uma parte impactante da solução do problema número um neste momento", descreve Mila Suharev.

 

 

Ir para a página principal